Beleza Oculta

Antes de tudo, não entendo o motivo de terem traduzido Collateral Beauty para Beleza Oculta. Sério galera, vamos rever isso aí, porque Beleza Colateral funcionava numa boa.

A história toda acontece em volta de Howard (Will Smith) um publicitário que perde a sua filha e não sabe lidar com essa situação, mesmo depois de alguns anos. Em busca de respostas ele escreve uma carta para o Amor, uma para o Tempo e  uma para Morte. Enquanto isso seus amigos-sócios interpretados por Edward Norton, Kate Winslet e Michael Peña tentam ajudá-lo a superar essa perda de maneira inusitada, já que o futuro da agência depende da melhora de Howard. Mas cada um deles também está passando por um conflito interno e muitas vezes não sabem lidar com o personagem de Will Smith. No meio de todos esses conflitos o Amor (Keira Knightley), a Morte (Helen Mirren) e o Tempo (Jacob Latimore) se materializam para ajudar Howard com a sua perda.

O conflito dessas quatro pessoas é interessante e bem real para muitos espectadores, talvez por isso eu tenha me conectado com a história num geral. Mesmo assim, algumas coisas poderiam ser melhores, o apelo emocional por exemplo. O filme todo mostra os conflitos internos das personagens, principalmente de Howard, e isso acaba sendo muito intenso de uma maneira negativa, me incomodou um pouco o roteiro sempre apelar para os sentimentos.

Outra coisa que não me agradou foi não saber se esse filme é um drama, uma comédia ou uma fantasia, isso fica de maneira muito subjetiva o que me fez ficar um pouco confusa. Mas num geral é um filme legal que vale ser assistido e que ensina que a morte faz parte da vida, assim como o amor e o tempo.

Você já viu esse filme? O que achou dele? Me conta nos cometários!

2 comments

Leave a Reply